20 de set de 2009

Rostos - Postagem II



As rugas do meu rosto

São sinais que o amor deixou
São canais que a dor cavou
São leito de lágrimas
Sorrisos vincados
São pedaços de ti enraizados
São mais do que o tempo que já passou
São obras de arte
São o estandarte
São a fruta madura do nosso Agosto
São a tua lembrança
A que não parte
São tudo, tudo o que eu posso dar-te
As rugas do meu triste rosto

Ricardo Costa
















" Um homem só encontrara a mulher ideal
quando olhar no seu rosto e ver um anjo e tendo-a nos
braços, ter as tentações que só os demonios provocam."


Pablo Picasso




" No retrato que me faço, traço a traço,
às vezes me pinto nuvem, às vezes me pinto árvore
Às vezes me pinto coisas, de que nem há mais lembrança..."



Mário Quintana
















fontes
desenhos a lápis de cera: iva souza (ivanete)
autores dos textos: ricardo costa, pablo picasso e mário quintana
base das pesquisas: google